Auto-ajuda, clichês e uma certa esperança


 “Quando a esmola é muita

Até santo desconfia”

(autor desconhecido)

 

Com títulos bastante atraentes, livros de auto-ajuda são fenômenos de venda em todo mundo. Os intelectuais e pessoas mais comedidas desaprovam. Mas o que está por traz ou pela frente desse fenômeno?

“O Sucesso é Ser Feliz”; “O Sentido da Vida”; “Mentes brilhantes, mentes treinadas” e outros títulos atraem o leitor porque parecem condensar coisas complicadíssimas em simples palavras.

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s