familia-feliz

A ditadura do “meu próprio rabo”


Tem gente achando o máximo policiais de helicóptero metralhando desenfreadamente e sem nenhum tipo de critério racional um carro em um bairro residencial (Pasme! Favela é um bairro residencial!). Estamos caminhando para um ponto em que a classe média deseja vingança e sangue à todo custo flertando cada vez mais com ideias totalitaristas e, ao mesmo tempo, exigindo direitos democráticos. Já que está na moda falar de ditadura (ditadura gay, ditadura homo, hetero etc.), penso que estamos caminhando para uma espécie de “ditadura do meu próprio rabo”, em que pessoas impotentes, amarguradas e covardes vibram com espetáculos de truculência. O ideal “bandido bom é bandido morto” vale na medida em que o bandido não é amigo meu ou não é membro da minha família. Gostaria profundamente que essas pessoas tivessem suas casas metralhadas enquanto assistem à novela das nove.

clique aqui!

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s