engolindo_sapo

Engolindo sapos


Nesta terça-feira o psiquiatra Daniel Barros psiquiatra e colunista do Estadão escreve o artigo “Não ponha para fora sua raiva” e me chama a atenção para um assunto importante…. importantíssimo!

A arte de viver em grupo

Engolir sapos diz respeito à anularmos impulsos instantâneos, ponderar as consequências da nossa fala. Mas tudo isso tem um custo. E um ganho.

Sigmund Freud, num breve e clássico artigo “Formulações sobre dois princípios do funcionamento mental (1911)” coloca que no desenvolvimento do sujeito dois tipos de princípios são fundamentais ao nosso funcionamento: o princípio do prazer-desprazer e o princípio da realidade.

clique aqui!

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s